Sala de Situação da Dengue de Balneário Camboriú define ações para combater a doença

Até o fim do mês, a Prefeitura de Balneário Camboriú implantará o Centro de Referência Municipal de Atendimento à Dengue, que vai oferecer atendimento a moradores da cidade com sintomas da doença. Essa e outras medidas foram definidas nesta terça-feira (20), na terceira reunião da Sala de Situação da Dengue de Balneário Camboriú, a qual monitora e elabora ações de caráter preventivo no combate ao mosquito Aedes aegypti.

Criado em 2023, o Centro de Referência Municipal de Atendimento à Dengue funcionou de abril até junho, quando foi desativado em razão da queda do número de casos positivos da doença. Segundo a Secretaria da Saúde, o Centro de Referência vai estar anexo ao Hospital Ruth Cardoso. Outra decisão para o enfrentamento da dengue é a ampliação dos atendimentos on-line pelo whatsapp 0800 888 6556, ou seja, a Telemedicina. Implantada em janeiro, a Telemedicina objetiva diminuir a fila de espera nas Unidades de Pronto Atendimento. Pessoas com sintomas leves de dengue também podem procurar esse tipo de atendimento. Nas próximas semanas, devem se juntar aos 41 agentes de combate às endemias 30 novos profissionais. Repelentes também serão disponibilizados à população nas unidades básicas de saúde.

Em 2024, até esta terça, já foram notificados 715 casos suspeitos (número 400% superior ao registrado em janeiro e fevereiro de 2023). Desses, estão confirmados 54 casos de dengue em pessoas residentes em Balneário Camboriú – 20 autóctones (quando a doença é contraída na cidade), 24 indeterminados (não houve a identificação sobre o local onde a pessoa contraiu o vírus), três importados (quando a doença foi contraída em outra cidade) e sete em investigação de Local Provável de Infecção (LPI). Em janeiro e fevereiro de 2023, o número de casos confirmados em pessoas residentes na cidade era de 23.

Mutirão no Bairro dos Municípios é nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira (21), agentes de endemias estarão no Bairro dos Municípios para um mutirão contra a doença. Com início às 8h30 na esquina da Rua Brusque com Quinta Avenida, a ação percorrerá as demais ruas do bairro até as 11h30, com visita às residências.

Durante o mutirão, os moradores serão alertados sobre os meios de proliferação do Aedes aegypti e criadouros serão identificados. Além do trabalho de conscientização feito pela Secretaria da Saúde, haverá, com o auxílio da Secretaria de Obras, recolhimento de resíduos em desuso, que estejam acumulando água nos pátios e, por isso, sejam potenciais criadouros do mosquito. A Defesa Civil também estará auxiliando nas orientações à população.

Nesse mesmo dia, os municípios que fazem parte da região da Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí (AMFRI) também promovem mutirão de mobilização e conscientização.

Fonte: Prefeitura de Balneário Camboriú

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?